Passo a Passo de 3 truques de mágica super fáceis para você aprender

Qualquer um que tenha vontade de aprender truques de mágica sabe que precisa de muita disciplina, treino e dedicação.

Mas como tudo na vida, quanto mais praticamos, mais nos desenvolvemos e vamos ganhando expertise naquilo que nos propomos a fazer.

Para ajudar a todos que têm vontade de aprender e ainda estão iniciando, preparamos um “passo a passo” de 3 truques de mágica super fáceis que você pode aprender, praticar e já sair por aí surpreendendo todo mundo com suas novas habilidades.

Somando os Dados

Você vai precisar:

  • de 3 dados iguais de 6 faces

Passo a Passo de como fazer:

  • Apresente os dados, deixe com que verifiquem que não há nada de diferente neles.
  • Vire-se de costas e peça para que a pessoa empilhe os dados da forma como ela preferir sobre alguma superfície (pode ser uma mesa).
  • Após feito isso, vire-se novamente e diga que irá adivinhar a soma das faces que estão escondidas, ou seja, a face de baixo e de cima do primeiro dado (o que está em contato com a superfície), mais as faces também de baixo e de cima do segundo dado e a face de baixo do terceiro dado (aquele que está no topo da pilha).
  • O grande truque desta mágica é que a soma das faces opostas de um dado é sempre 7. Desta forma, para adivinhar o valor da soma das faces ocultas basta saber que como há três dados, a soma das faces ocultas dos três será 21. Sabendo disso, a chave para adivinhar o valor da soma é olhar a face que está no topo da pilha de dados (terceiro dado), e subtrair o valor do número 21. Por exemplo, se o valor que estiver no topo da pilha for 6, então a soma das faces ocultas será 15 (21 – 6 = 15).
  • Agora é hora do teatro, faça aquela cara de concentração para adivinhar o valor enquanto faz a conta mentalmente.
  • Pronto! Revele o valor final!
  • Por último, retire da pilha dado por dado e peça que a própria pessoa some os valores e veja que você realmente adivinhou.

Adivinhando o resultado por Telepatia

Você vai precisar:

  • Não é necessário nenhum material, apenas os seus poderes de telepatia 😉

Passo a Passo de como fazer:

  • Peça para alguém pensar em um número, pode ser qualquer número, mas para evitar que o truque fique complicado, limite para de um número de 1 a 20.
  • Em seguida comece a adicionar ou subtrair valores para esse número. Por exemplo, diga para a pessoa adicionar mais 5 ao número que ela escolheu.
  • A ideia aqui é ir pedindo para a pessoa realizar contas aleatórias apenas de adição e subtração. O segredo do truque é que ao mesmo tempo em que você pede para que ela adicione e subtraia valores do número em que escolheu, você também irá fazer as contas mentalmente.
  • Até que chega o passo final! Feitas algumas contas, você irá pedir para a pessoa subtrair o número que ela escolheu, fazendo assim com que sobre apenas o valor resultante das operações matemáticas propostas por você, e que você sabe qual é, pois também fez as operações mentalmente.
  • Pronto! Revele o número final! Para ilustrar melhor essa mágica vamos montar um exemplo. Suponhamos que o número escolhido tenha sido 5, você em seguida pediu para que a pessoa somasse mais 10 ao número escolhido (ficando assim 15 para a pessoa, enquanto para você há apenas 10). Em seguida, você pede para que ela subtraia 3 (os 15 passarão a ser 12 para a pessoa, e para você 7).
  • Enfim, não importa o número de operações, quando você pedir para que seja subtraído o número escolhido pela pessoa, o resultado será igual ao número que você está calculando mentalmente com as operações. Então, pedindo para que seja subtraído o número escolhido (12-5 = 7, o número que restar será resultado das operações criadas por você). Aí é só revelá-lo!

Adivinhando a carta escolhida

Você vai precisar:

  • 16 cartas quaisquer de um baralho

Passo a Passo de como fazer:

  • Entregue as cartas para a pessoa com quem você está fazendo a mágica, deixe-a verificar que não há nada de diferente nelas.
  • Em seguida as embaralhe e faça um “leque” de cartas para que a pessoa escolha uma.
  • Escolhida a carta, peça para que ela a memorize e mostre para outras pessoas sem que você veja.
  • Pegue-a novamente, adicione ao meio das outras cartas e embaralhe.
  • Agora é o momento onde você começará o procedimento para descobrir qual foi a carta escolhida. Coloque com a face para cima sobre uma superfície (uma mesa por exemplo) em quatro grupos, quatro cartas.
  • Diga para a pessoa apontar apenas o monte onde está a carta dela.
  • Feito isso, recolha os montes um após o outro e não os embaralhe. Recolha primeiro o monte com a carta escolhida e o deixe na parte debaixo do baralho em suas mãos.
  • Agora que entra o segredo da mágica, você montará novamente os montes, porém é a distribuição das cartas que irá te indicar qual a carta escolhida. Na hora de distribuir novamente as cartas, você colocará uma carta de cada vez em cada monte. Dessa forma, quando estiver distribuindo as últimas quatro cartas (monte com a carta correta), você estará isolando uma para cada monte. Então, peça para que a pessoa aponte novamente o monte onde está a carta dela.
  • Pronto! Assim que ela apontar o monte correto você já saberá qual foi a carta escolhida, pois com as cartas isoladas, cada monte carrega no topo uma das possíveis cartas escolhidas pela pessoa. Agora, basta recolher as cartas, porém é importante não misturá-las, saiba onde está a carta escolhida no baralho.
  • Você irá montar novamente os quatro grupos de quatro cartas, porém dessa vez com as cartas viradas para baixo na mesa. Você precisa saber onde está a carta escolhida em suas mãos para que quando ela seja colocada em um dos montes você saiba onde ela está. Esse é o momento onde você irá eliminando os montes até a carta escolhida.
  • Com os quatro montes de quatro cartas para baixo já sobre a mesa, peça para que a pessoa escolha dois montes, dependendo da escolha da pessoa você eliminará apenas aqueles onde a carta correta não está. Por exemplo, há quatro montes sobre a mesa, o monte 1, 2, 3 e 4. A carta correta está no monte 2, e a pessoa escolheu o monte 2 e 3, então você eliminará o monte 1 e 4 da mesa.
  • Com dois montes sobre a mesa, diga para a pessoa escolher apenas um monte. Novamente, elimine o que não está com a carta certa, sendo o escolhido pela pessoa ou não.
  • Com apenas um monte de quatro cartas sobre a mesa, divida-o em dois montes de duas cartas e diga para a pessoa escolher apenas um monte, repetindo assim o método de eliminação.
  • Passo Final! Com apenas duas cartas sobrando, peça para a pessoa escolher uma das cartas, e então sabendo qual delas é a correta revele a carta escolhida!

Dica Importante: Essa mágica exige que a pessoa se distraia um pouco, então treine a sua performance para manter a atenção dela presa em você e não em como você está manuseando as cartas.

Dicas Finais:

O segredo para a boa execução de qualquer mágica é o treino! Treine bastante na frente do espelho, isso não só vai te ajudar a melhorar a sua performance como também identificar possíveis erros. Procure também realizar as primeiras mágicas com parentes e amigos para que possam te dar um feedback de como você se saiu. Boa Sorte!

Não quero ser mágico: devo me sentir culpado?

“Estou me divertindo aprendendo mágicas. Gosto de comprar números novos. Me arrisco às vezes para fazer para um amigo, mas não quero ser mágico! Devo me sentir culpado?”

Esta questão chegou nesta semana. Leia a seguir para saber mais.

Continuar lendo Não quero ser mágico: devo me sentir culpado?

10 motivos para fazer um curso de mágica

Curso de mágica

 

Se você acompanha nosso blog já pode descobrir inúmeros benefícios que um curso de mágica traz para o cotidiano e para a vida social das pessoas. São alguns exemplos o desenvolvimento de uma boa oratória, desinibição, contribuição para a capacidade de improviso.

Entretanto, na hora de escolher um curso de mágica, é importante estar atento à tudo que ele oferece, desde os materiais até a o tipo de assessoria que proporciona aos alunos durante e após o curso.

Por estas e outras, hoje vamos te mostrar 10 motivos incríveis para que você aposte em um curso Magicando! Acompanhe:

Continuar lendo 10 motivos para fazer um curso de mágica

O que é mágica close-up?

Mágica Close-Up

Você já viu um número de mágica close-up? Essa é a modalidade de mágica em que o ilusionista faz seus truques frente aos seus espectadores, não mais do que a três metros de distância.

Então, você pode se perguntar: “Como ele consegue fazer truques tão próximo da plateia? E se ele for desmascarado?”. A verdade é que um bom mágico de close-up tem que praticar os truques muito tempo antes de se apresentar em público. Isso é muito sério: mesmo os melhores mágicos, assim como qualquer profissional que prepara uma apresentação, treinam bastante até garantir que seus truques funcionarão. Afinal, a intenção é impressionar e convencer seu público.

Continuar lendo O que é mágica close-up?

Prestidigitação e ilusionismo: o que são?

Prestidigitação e Ilusionismo

Quem já assistiu a alguma apresentação de ilusionismo ao vivo com certeza ficou curioso a respeito dos truques utilizados pelo mágico durante o espetáculo. O que pouca gente sabe é que o leque de técnicas e conceitos utilizados é grande e complexo. Se você é iniciante na área, vamos explicar o que é prestidigitação e ilusionismo. Confira!

Continuar lendo Prestidigitação e ilusionismo: o que são?

Como aprender mágica sem gastar dinheiro e em pouco tempo

Como aprender mágica sem gastar dinheiro e em pouco tempo

 

Você sempre teve vontade de aprender mágica, mas a falta de dinheiro e de tempo impediu a realização desse desejo? Saiba que nem tudo está perdido. Continue lendo o nosso post para conferir algumas dicas que ajudarão você a aprender mágica de uma vez por todas!

Continuar lendo Como aprender mágica sem gastar dinheiro e em pouco tempo

Corpo e mente em sintonia : 5 benefícios da mágica como hobby


corpo e mente: 5 benefícios da mágica como hobby

É certo que trabalhar é uma atividade necessária, mas ela pode ser também demasiadamente estressante. Ter um hobby é hoje muito comum, pois um passatempo nas horas vagas ajuda a aliviar a tensão do dia a dia, serve como um canal para conhecer pessoas diferentes e, em última instância, torna a vida mais feliz.

Porém, mesmo sendo um momento de abstração do cotidiano, muita gente ainda escolhe atividades que estão relacionadas à própria profissão, o que tende a gerar mais ansiedade do que relaxamento. Ainda por cima, se esse hobby exigir grande esforço físico, a situação fica ainda mais delicada; não é só o intelecto que não vai processar a atividade como prazerosa, mas o corpo também vai acumular o estresse empenhado naquela ocasião.

Continuar lendo Corpo e mente em sintonia : 5 benefícios da mágica como hobby

A jornada do mágico: como se inspirar, evoluir e achar seu estilo próprio

Jornada do Mágico: Como evoluir

Não importa o quão envolvido você esteja com a mágica, uma coisa é certa: sempre é possível evoluir, seja aprendendo novos truques, seja aperfeiçoando seus favoritos. Desde os profissionais do ramo, passando pelos amadores dedicados ou mesmo iniciantes, o que determina o sucesso na jornada como mágico pode ser resumido em basicamente três fatores.

Continuar lendo A jornada do mágico: como se inspirar, evoluir e achar seu estilo próprio

O hobby ideal para quem não curte esportes perigosos

Hobby ideal

Um hobby nada mais é que um passatempo, uma atividade que você escolhe praticar durante o seu tempo livre. Funciona como uma válvula de escape para o estresse acumulado. É a uma forma de se “desligar” das obrigações e problemas do cotidiano.

Com toda a correria dos dias de hoje, ter um hobby é uma necessidade. Tão importante quanto se alimentar bem, trabalhar e dormir direito. Afinal, é um momento de abstração, em que você pode finalmente relaxar para recarregar as suas energias.

Quando falamos em hobby, muita gente logo pensa em atividades físicas e esportes radicais, como corrida, rapel e escalada. E são bons exemplos do que você pode fazer nas horas vagas. O problema é que nem todo mundo curte se arriscar em um esporte perigoso, ou tem tempo para se dedicar a uma atividade física regular.

O melhor é procurar um hobby tranquilo, como aprender truques de mágica, praticar yoga, dobrar origami ou tocar um instrumento musical.

Um hobby saudável não precisa estar ligado à prática de esportes. O ideal é que o passatempo desvie o foco das preocupações e torne o seu dia mais leve e prazeroso.

Continuar lendo O hobby ideal para quem não curte esportes perigosos

Mágica para Profissionais: como executivos, médicos, advogados e palestrantes podem usar mágica para valorizar suas atuações

Mágica para Profissionais
Somos todos fascinados por espetáculos de mágica, em que o impossível acontecendo diante de nossos olhos e os truques apresentados desafiam a lógica que rege o nosso dia a dia. É por isso que a fascinação continua tão viva até os dias de hoje, o que torna essa forma de arte tão popular e atraente em nossa sociedade. Entretanto, a mágica não está necessariamente ligada única e exclusivamente a apresentações nos palcos. Você sabia que a mágica também pode ser usada pelos mais diferentes perfis profissionais, das mais variadas carreiras, para finalidades bem diferentes?

Continuar lendo Mágica para Profissionais: como executivos, médicos, advogados e palestrantes podem usar mágica para valorizar suas atuações