A jornada do mágico: como se inspirar, evoluir e achar seu estilo próprio

Jornada do Mágico: Como evoluir

Não importa o quão envolvido você esteja com a mágica, uma coisa é certa: sempre é possível evoluir, seja aprendendo novos truques, seja aperfeiçoando seus favoritos. Desde os profissionais do ramo, passando pelos amadores dedicados ou mesmo iniciantes, o que determina o sucesso na jornada como mágico pode ser resumido em basicamente três fatores.

Jornada do Mágico

Entusiasmo, inspiração e determinação

Quando há entusiasmo, e ele geralmente se manifesta logo cedo, a mágica passa a ser não só um interesse, mas uma prática. E para praticar, é preciso aprender. Mas como?

Antes, eram raras as lojas de mágica e podia-se contar apenas com a ajuda de livros especializados. Hoje, com o apoio da tecnologia, pode-se aprender muito por meio de cursos online, com profissionais gabaritados e com aulas no próprio ritmo do aluno. Com esta base, você pode desenvolver a própria rotina de prática, ou até mesmo criar um ato mágico inteiro, único e original.

Mas antes de investir numa capacitação, é preciso considerar: que tipo de mágico te inspira? Qual é o estilo de performance que você almeja? Essa vai ser sua profissão ou uma ferramenta diferenciada dentro de outra área profissional?

Também é importante levar em consideração se você é mais tímido ou extrovertido? Não é só a técnica que deve ser a preocupação. Presença em palco, teatralidade, simpatia com o público e naturalidade também são fundamentais. Essa parte do processo é bastante pessoal e cabe a cada um descobrir, por meio de pesquisas, apreciando espetáculos, consultando mágicos mais experientes e procurando saber qual formato lhe convém. Tenha em mente que é preciso encontrar seu talento nato e trabalhar em cima dele para evoluir como mágico.

Feito isso, chegamos ao nosso terceiro fator: determinação. A jornada do mágico pode ser descrita em passos relativamente simples: entusiasmar-se, buscar inspiração, aprendizado, e praticar. Apesar de simples, não é exatamente fácil. Quando você achar seu estilo e começar a aprender, obstáculos vão naturalmente surgir no processo. É então que chega a hora de exercitar sua força de vontade. Um mágico determinado será capaz de imprimir mais sentido e significado nos atos.

Quatro passos na jornada do mágico 

1. Definir uma meta e persistir para alcançá-la

Nada como ter um objetivo específico, realista, mas inspirador para concentrar seus esforços. O que você se atreveria a sonhar, se soubesse que não poderia falhar? Defina uma meta e um primeiro passo nesta direção.

2. Encontrar a sua singularidade e tirar vantagem dela

Uma das mais importantes (se não a mais importante) das coisas que você pode fazer para se tornar um artista de sucesso é descobrir sua personalidade enquanto performer. Não são poucos os artistas de sucesso que relatam que, depois de encontrarem seus personagens performáticos, todo o resto apenas se encaixou. Sua persona mágica será a base para tudo o mais que você fizer.

3. Estude as técnicas de mágica, mas não pare aí

Nesse sentido, quando se diz “técnicas de mágica”, não se está falando sobre como fazer os truques. A técnica envolve a apresentação, carisma, e outras habilidades de performance teatral. A mágica é importante, mas sem as qualificações de desempenho para dar-lhe vida, ela não é nada mais do que um monte de quebra-cabeças interessantes, na melhor das hipóteses. Desenvolver as capacidades cênicas, imprimir personalidade e teatralidade tornarão seus atos únicos e envolventes.

4. Encontre orientação especializada para ajudá-lo em seu caminho

Não há nenhuma razão para quebrar a cabeça sozinho, tentando aprender sem orientação correta. Aprenda com aqueles que têm a experiência e o conhecimento de ter feito isso e então você não tomará o caminho mais longo e nem cometerá erros que já foram superados por outros.

E você, o que faz para evoluir como mágico? Já achou sua inspiração? Compartilhe nos comentários!

Metodologia Magicando

Mágica Grátis

Leave a Comment